Praça dos Girassóis — Palmas, TO

(63) 3213-3633

Notícias da catedral › 02/05/2018

Catedral promove palestra sobre segurança na Internet para pais e responsáveis

Foto: Pastoral da acolhida promove formação sobre segurança na Internet

Na tarde deste último sábado (30) a Pastoral da Acolhida da Catedral de Palmas realizou um encontro voltado para os pais interessados num assunto importantíssimo do tempo atual: internet! A Palestra foi dada por Alorran Barbosa, professor do SENAC- Palmas.

Segundo Andreza Piovizan, coordenadora da Pastoral da Acolhida a iniciativa busca ser um suporte para os pais dos catequizandos da Catedral. “Nos dedicamos a essa atividade, justamente para atingir o público dos pais dos catequizandos, para que eles também possam ser instruídos a fazer as atividades, e desenvolvá-las bem, e usando a tecnologia”, afirmou.

Você sabe o que seu filho faz na internet?

Alorran deu início motivando os pais presentes por ser um assunto que rodeia tantos familiares. Se a internet por um lado traz conhecimento quando usada com prudência e limites, por outro traz preocupação quando não supervisionado pelos pais, afirmou o palestrante.

A palestra abordou a temática de como pai e mãe podem ajudar seus filhos a navegar na internet com segurança. O tema traz muitos alertas e questionamentos, como: você sabe o que seu filho faz na internet? Você permite que seu filho tenha computador no quarto? Você sabe se seu filho tem perfis na internet? Embora a essas perguntas muitos pais responderam “sim”, quase que automaticamente o decorrer daquela tarde mostrava que tudo que se sabia ou achava saber sobre o controle dos filhos na internet era reduzido demais comparado ao perigo que o mundo virtual acarreta.

Os dados estatísticos por sua vez levantados em temas que passam desapercebidos, fez os olhos de muitos pais se abrirem sobre acontecimentos graves e bem reais do mundo virtual: ciberbullyng, racismo na internet, exploração, pornografia infanto-juvenil e entre outros. Esta são situações que não se tem controle, quando no outro lado da tela quem pode abordar as crianças são maníacos e manipuladores, pessoas doentes que seduzem, constrangem e impõe medo. Barbosa perguntou ainda: qual o grau de amizade e confiança que seu filho tem com você? Ele seria capaz de numa situação como essa contar-lhe tudo que está acontecendo? Nesse caminho, a amizade entre pais e filhos contam bem mais que as imposições feitas enquanto ao uso da internet. É preciso comportar-se não como quem abomina, mas como quem orienta, ensina o certo e o errado.

Foto? Palestra sobre segurança na internet

Dicas valiosas para proteger crianças e adolescentes no mundo virtual

Navegar na internet hoje é mais complexo do que se imagina. O palestrante elencou diversas dicas para auxiliar os pais.

A primeira delas e fundamental do início ao fim: Os pais precisam acompanhar a rotina dos filhos de vocês! O diálogo e o respeito é o caminho, mas limites são importantes desde que façam sentido!

Para navegar com segurança, segue outras dicas:

  • Nunca divulgar seus dados pessoais;
  • Preservar a privacidade sempre;
  • Ler as políticas de privacidade dos sites;
  • Nunca falar com estranhos.

A casa de uma família precisar ser a primeira rede de proteção dos filhos, depois é possível contar com os colaboradores dessa rede, que seria a escola e os educadores.

Para um maior controle do que uma criança anda acessando, existe uma lista enorme de programas que podem ser baixados no computador para ajudar os pais nessa supervisão, são alguns deles: kurupira, inter app control, Family link, kiddle, windows live- proteção para a família. Porém, uma observação primordial: nenhum software substitui a supervisão de um pai e de uma mãe!

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.