Praça dos Girassóis — Palmas, TO

(63) 3213-3633

Notícias da catedral › 12/02/2020

“Entre Mulheres” – Voltado para público feminino evento terá 3ª edição

No dia 8 de março, o calendário civil comemora o Dia Internacional da Mulher. Em meio a tantas vozes e ideologias que têm desvirtuado a figura da mulher, a Igreja sempre prezou pelo que é a essência da identidade feminina: um santuário de ternura e vida. Pensando em homenagear e evangelizar esse público tão querido por Deus, a Catedral de Palmas promoveu nos últimos dois anos, o “ENTRE MULHERES”, uma noite especial de música, espiritualidade, testemunho e partilha da Palavra de Deus.

Este ano será a 3ª edição do evento, que acontecerá no dia 9 de março, no Auditório Araguaia, no Centro de Convenções Parque do povo, às 19h. O “ENTRE MULHERES” contará com a presença da cantora católica Adriana Arydes, indicada na categoria melhor álbum cristão de língua portuguesa no Grammy Latino 2019, e a Irmã Zélia, religiosa da Congregação Copiosa Redenção, ministra de cura e libertação, pregadora de encontros no Brasil e no mundo.

Noites de milagres e testemunhos 

O “ENTRE MULHERES” tem se tornado tradição na capital do Tocantins. Além disso, tem ajuntado testemunhos e milagres na vida de muitas mulheres. Em 2019, a edição lotou o auditório de mulheres sedentas de Deus com suas lutas e dores. Lídia Campos era uma delas. Alguns meses antes, tinha sido surpreendida com o diagnóstico de uma lesão pré-cancerígena no colo do útero. Mesmo triste e desanimada, juntou forças para ir até o encontro, levada por uma amiga para a noite de oração, como testemunha:

Foto: Arquivos pessoas de Lídia Campos

“Em um momento da pregação da Irmã Zélia, a mesma pediu que todas as mulheres que quisessem engravidar ou que tivessem algum problema para isso, que levantassem a mão, e assim eu fiz. Todas nós recebemos uma chuva de bençãos em forma de oração naquele momento. A irmã Zélia também falou sobre o cordão de São José e os diversos milagres que o mesmo já havia realizado, afinal esse é o protetor da família. O meu interesse no cordão foi instantâneo, eu queria uma para que eu pudesse colocar sobre o meu útero e conseguir o milagre da minha cura. A Irmã Zélia ficou de mandar alguns cordões para que o Padre os distribuísse na comunidade, pois não havia nenhum com ela no momento. No entanto uns dois dias após o encontro o padre me chamou (o mesmo sabia de toda a história), e disse que pela glória de Deus, a irmã tinha um cordão dentro da bolsa dela, e me deu. Eu amarrei sobre o meu ventre e comecei a fazer a novena, e então minha cirurgia foi marcada. Para que dia? Dia 19 de Março, dia de São José. Fui ansiosa mas confiante para a cirurgia acompanhada da minha mãe e meu namorado. Deu tudo certo, a cirurgia foi um sucesso, foi feita nova biópsia e para aninha alegria foi retirada toda a lesão. Mas eu mal sabia que minha felicidade estava apenas começando. Pois poucos meses após, mais precisamente no dia 24 de Setembro do mesmo ano, o meu melhor milagre estava por vir, meu filho tão amado e esperado, meu João Francisco. Hoje, grávida de 6 meses, carrego em meu ventre o maior amor da minha vida, e aguardo ansiosamente o dia da sua chegada, o dia em que poderei tê-lo em meus braços e dizer: você foi o meu milagre por intercessão de São José!”

Participe você também deste momento de curas, milagres e prodígios. Os ingressos são limitados e já estão disponíveis na Livraria da Casa de Maria e na secretaria da Catedral, custa apenas R$50,00. Adquira o seu!

Imagem: Catedral de Palmas

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.