Praça dos Girassóis — Palmas, TO

(63) 3213-3633

Notícias › 06/11/2020

Papa doa cruz peitoral a Museu Internacional do Crucifixo na Itália

cq5dam-thumbnail-cropped-750-422-1

O Papa Francisco presenteou o Museu Internacional do Crucifixo da cidade de Caltagirone, na região da Sicília, com uma cruz peitoral. A doação será entregue nesta sexta-feira (6) pelo bispo local, dom Calogero Peri, a quem é inclusive dedicado o espaço de exposição, inaugurado em setembro deste ano, junto ao complexo do Santuário do Santíssimo Crucifixo do Socorro.

A cruz do Pontífice será oficialmente entregue pelo bispo da diocese, após presidir a missa do final da tarde, ao reitor do santuário, Pe. Enzo Mangano, idealizador e promotor do museu. Durante a Quaresma deste ano, refletindo sobre a crise sanitária da Covid-19 e as consequências da pandemia, o reitor lançou o objetivo de se conhecer melhor a espiritualidade do Crucifixo, ao criar salas de exposição e pedindo a amigos e artistas que doassem obras de arte, objetos ou relíquias sobre a Paixão.

As doações do Papa e de dom Peri

Ao apelo de Pe. Enzo respondeu inclusive o Papa Francisco que, através de uma carta do substituto da Secretaria de Estado, Monsenhor Edgar Peña Parra, “encoraja os fiéis e os peregrinos do antigo Santuário da Paixão a aderir cada vez mais intensamente ao Caminho, à Verdade e à Vida de Cristo”.

O Museu Internacional do Crucifixo de Caltagirone, anexo ao santuário de mesmo nome, é, então, dedicado a dom Peri porque foi um dos primeiros a doar um crucifixo. Trata-se de uma pequena reprodução daquele de São Damião que estava no quarto do hospital onde o bispo diocesano ficou internado por cerca de um mês, por causa do coronavírus. Esse crucifixo, nos dias da doença, foi um ponto de referência ao prelado, contou dom Peri, e suscitou questionamentos e orações. Assim que recebeu alta, o bispo pediu para levá-lo consigo. Então, decidiu doá-lo ao museu como sinal de gratidão a Deus por ter sido curado.

Agora, a cruz peitoral do Papa Francisco vem a somar àquela doação feita por dom Peri e a mais de 150 obras que já estão em exposição no Museu Internacional do Crucifixo, peças que estão sendo particularmente apreciadas pelos fiéis e visitantes.

Vatican News Service – TC

Via Vatican News

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.