Praça dos Girassóis — Palmas, TO

(63) 3213-3633

Notícias › 24/03/2020

Vaticano adia viagem do Papa Francisco a Malta

Papa-Francisco-Vuelo-Papal-JMJPanama-Vatican-Media-23012019

Foto: Vatican Media

A Sala de Imprensa da Santa Sé informou que a viagem do Papa Francisco a Malta “foi adiada” devido à emergência de saúde causada pela propagação do coronavírus COVID-19.

Esta visita apostólica internacional do Santo Padre estava prevista para 31 de maio e seria a primeira viagem fora da Itália que o Pontífice realizaria em 2020.

“Devido à situação mundial em andamento e de acordo com as autoridades e a Igreja local, a anunciada viagem apostólica a Malta foi adiada com data a ser definida”, declarou o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Matteo Bruni, em um comunicado oficial.

O programa da viagem apostólica a este pequeno país insular no Mediterrâneo europeu estava programado para ocorrer em um dia e incluía a visita do Papa às ilhas de Malta e Gozo.

Nesse sentido, esta breve, mas significativa viagem do Papa Francisco a Malta deveria ocorrer na solenidade de Pentecostes. A comunicação do Vaticano destacou que a viagem foi “adiada” – e não cancelada –, mas, obviamente, a situação atual incerta devido à disseminação do coronavírus que se vive na Itália e na Europa em geral, impede a marcação oficial de uma próxima data.

Viagens papais anteriores

Com esta viagem apostólica, o Papa Francisco seria o terceiro Pontífice a visitar este país europeu, depois das viagens históricas de Bento XVI em 2010 e de São João Paulo II em 1990.

O lema da visita do Pontífice era a frase em inglês “The showed us unusal Kindness” (“Seus habitantes nos demonstraram uma cordialidade nada comum”), do Livro de Atos dos Apóstolos, e o logotipo mostrava mãos que se elevam em direção à Cruz, que surge de um barco que navega pelas ondas do mar.

De acordo com a explicação do logotipo divulgada pelos organizadores da visita, as mãos representam o sinal de acolhida cristã ao próximo e a assistência àqueles que estão em dificuldade, abandonados a seu destino, e o barco faz referência ao naufrágio sofrido por São Paulo, narrado no Livro dos Atos dos Apóstolos, quando se dirigia pelo mar a Roma e foi acolhido pelos habitantes da ilha de Malta.

Atividade diária do Papa

Por sua vez, o Papa Francisco continuará celebrando a Missa em forma particular na capela da Casa Santa Marta, recebendo pessoas individualmente e presidindo, sem a presença dos fiéis, a Audiência Geral semanal, assim como a oração do Ângelus dominical.

Segundo indicam os dados oficiais divulgados pela defesa civil italiana – e atualizados em 22 de março –, o número total de pessoas infectadas pelo coronavírus na Itália até agora foi de 59.138, dos quais 5.476 morreram e 7.024 foram curados.

Por esse motivo, as autoridades civis italianas continuam aumentando as medidas restritivas com novos decretos para impedir a propagação de contágios do coronavírus, COVID-19.

Publicado originalmente em ACI Prensa. Traduzido e adaptado por Nathália Queiroz.

Via ACI Digital

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.